Sem acordo: Caiado e Secretária da Fazenda, Cristiane Schmidt, sugere o parcelamento do salário de dezembro/18; Unimil e demais associações e sindicatos rejeitam
Os representantes de mais de 30 entidades que compõem o Fórum em Defesa dos Servidores Públicos do Estado de Goiás participaram na tarde desta quinta-feira (3) de uma reunião com o governador Ronaldo Caiado (DEM) e com a Secretária da Fazenda, Cristiane Schmidt, para cobrarem o pagamento da folha do mês de dezembro/18.
Depois de uma longa conversa, não houve acordo na ocasião. O governo de Goiás sugeriu o parcelamento do salário de dezembro, proposta que foi categoricamente rejeitada por nós.
“Nós não concordamos com o parcelamento do salário. Os servidores não aguentam mais tantos sacrifícios.”
Uma nova reunião ficou agendada para o dia 17 de janeiro, data em que haverá um posicionamento do Governo Estadual, após negociações com o Governo Federal, que enviará uma missão econômica à Goiás.
Foi informado durante a reunião, que o governo anterior não empenhou o pagamento de dezembro/18, o que implica convocação extraordinária da Assembleia Legislativa para aprovar este orçamento, “a nossa preocupação é o servidor.”
O Governador, Ronaldo Caiado, já defendia que o pagamento da folha de janeiro/19 fosse efetuado primeiro que o de dezembro/18, a situação difícil do Estado não é novidade, mas nós não podemos pagar a conta.
Cabo Senna
Vereador e Presidente da Unimil
Juntos somos fortes e juntos podemos mais!